BUENOS AIRES - ARGENTINA

April 6, 2017

 

Passar o final de semana na cidade mais charmosa da América do Sul sempre é muito gostoso e saboroso. Em minha segunda vez em Buenos Aires procurei mostrar para a Fernanda tudo o que essa cidade pode nos oferecer, desde a sua gastronomia fantástica até seus monumentos e bairros que nos faz lembrar a Europa.

 

Ao andarmos pela cidade percebemos que não é a mesma Buenos Aires como nos anos 80, onde era um destino que só os brasileiros endinheirados que visitavam a cidade portenha por ser uma cidade rica e chique.Isso se deve pela grave crise econômica que a Argentina atravessa por alguns anos, mas apesar dessa parte triste da história atual, Buenos Aires ainda continua encantando as pessoas e acabou se tornando um destino rotineiro entre os brasileiros de todas as classes, pois em apenas três horas de voo de São Paulo conseguimos estar sentados num belo restaurante, tomando um ótimo vinho e comendo uma das melhoras carnes do mundo.

 

Apesar dessa rivalidade que o Galvão Bueno nos apresenta nos jogos de futebol rs..., fomos tratados muito bem pelo povo argentino, um povo trabalhador que sempre procura te servir da melhor forma. Vale a pena pegar o Bus Tour e conhecer toda cidade, seus pontos mais importantes e também conhecer um pouco da história da cidade que também se confunde com a história argentina. Em muitos momentos que andamos pela cidade, a sua arquitetura nos impressionou e nos fez ter a sensação de estarmos na Europa.

 

Logo abaixo vou lhes apresentar através de dicas, relatos e fotos o que Buenos Aires tem de bom na opinião do casal Cozinhe Comigo:

 

ONDE FICAMOS

Passamos um final de semana na cidade e ficamos hospedados no bairro Palermo Soho no Hotel Clasico, um hotel boutique com um preço camarada (gastamos R$ 600,00 em duas diárias) e com um ótimo café da manhã. Ficamos no bochicho do Palermo Soho, rodeados de bares, restaurantes, doceiras e de toda agitação que esse bairro oferece.

 

Em Palermo Soho vimos que é um local muito frequentado por argentinos, pois não vimos muito turistas, igual encontramos na região de Puerto Madero, fato este que nos fez conhecer muito da cultura local.

 

 

Hotel Clasico - Palermo Soho

 

LUGARES IMPERDÍVEIS

Como eu já conhecia a cidade levei a Fernanda conhecer os principais pontos de Buenos Aires, tais como a Casa Rosada, Puerto Madero, Av. 9 de Julho, Obelisco, Plaza de Mayo, Catedral Metropolitana, Caminito, Bairro de La Boca, Calle Florida, Puente De La Mujer, Flor Metálica, Plaza San Martin. Seguem abaixo alguns pontos que visitamos e que valem a pena vocês visitarem:

 

Palermo: Com uma área enorme de parques, bosques e lagoas desenhadas pelo paisagista francês Charles Thays em 1874, Palermo é um pouco de tranquilidade no meio da agitação da cidade. As famílias visitam Palermo nos finais de semana para fazer piqueniques, tomar sol, andar de bicicleta, patins ou caminhar. Neste bairro se encontra o Campo de Polo, onde se disputam os jogos mais importantes do mundo, e o Hipódromo que transformam o bairro no ponto referencia para quem gosta desses tipos de esportes. É o bairro mais espaçoso e natural da cidade, está subdividido em diferentes áreas muito particulares: Palermo Chico (onde ficam as mansões e embaixadas) e Palermo Viejo, Palermo Soho, Palermo Hollywood e Las Cañitas que abrigam grandes marcas da moda, restaurantes e bares conceituados da capital Argentina.

 

 Palermo - uns melhores bairros de Buenos Aires

 

Recoleta: Leva o posto de bairro mais luxuoso de Buenos Aires, por abrigar os melhores hotéis da cidade em suas largas avenidas, rodeados de elegantes lojas e restaurantes. Sem dúvida alguma é o bairro mais chique, a Recoleta mostra a grande influência europeia que a cidade recebeu durante a sua colonização. Avenidas arborizadas que nos levam aos restaurantes mais frequentados, cafés, lojas e galerias, muitos deles situados em ilustres prédios de estilo francês. O bairro possui diversos parques e praças, é o lugar escolhido por turistas e moradores para aproveitar o tempo livre e estar em contato com a natureza. Nos finais de semana, as ruas se encontram lotadas de artistas de rua, feiras artesanais e eventos esportivos.

 

 Recoleta - faz a gente se sentir na Europa

 

Las Cañitas: eleita pelos moradores e pelos visitantes como uma das melhores áreas de Buenos Aires. É a zona gastronômica de moda da cidade, com mais restaurantes que qualquer outro bairro de Buenos Aires. Durante um passeio pelas Cañitas você pode encontrar exclusivas lojas, artigos de couro, centros de saúde e beleza, galerias de vinhos e licores, e lojas de antiguidades. O “El solar de la Abadia” é um bom lugar a ser explorado por quem quer ir as compras. Também em Las Cañitas se encontra o campo de polo onde se disputa o campeonato de polo da Argentina durante os meses de novembro e dezembro, considerado como a competição mais importante do mundo. 

 

 Las Cañitas - para quem gosta de uma vida noturna agitada

 

Puerto Madero: talvez o maior símbolo de modernidade em meio aos milhares de prédios históricos de Buenos Aires. O projeto de Puerto Madero reciclou depósitos abandonados da antiga zona do porto, transformando os mesmos em restaurantes, oficinas e em apartamentos luxuosos e valorizados situados à beira de elegantes canais. Andar pé ou alugar uma bicicleta e passear pelas amplas calçadas de Puerto Madero sem destino parando pelos cafés e restaurantes ali presentes é um programa imperdível para quem visita a cidade e repetido aos finais de semana pelos portenhos. Nesta zona totalmente revitalizada se encontram elegantes restaurantes que servem a famosa carne argentina e também sofisticados pratos da cozinha mundial, além do conhecido complexo de cinemas, o campus da Universidade Católica Argentina, o Museu de Arte e famosos hotéis conhecidos em todo o mundo.

 

 

Puerto Maderno - a modernidade presente em Buenos Aires

 

San Telmo: um bairro boêmio e um dos mais antigos de Buenos Aires, sua área completa é considerada um Patrimônio Histórico Nacional. San Telmo conserva a autentica cultura de Buenos Aires: as ruas empedradas, altas árvores e um estilo particular de lâmpadas que ainda estão em uso, brindando ao bairro uma atmosfera de recordações únicas. O principal ponto de encontro é a Plaza Dorrego, onde se encontra um mercado característico argentino que aos finais de semana os locais aproveitam para fazer compras para a casa e os turísticas se perdem nas delicias gastronômicas e ficam encantados com os antiquários da região . Há lojas que oferecem peças de arte, antiguidades, móveis de séculos passados, artesanatos de prata de América, e todo tipo de lembranças. Em San Telmo podem se encontrar excelentes dançarinos de tango em espaços públicos, principalmente nos finais de semana. Há vários locais especializados em tango que rodeiam a zona com outros bares e restaurantes, alguns deles, presentes desde 1800 e ainda mantêm suas fachadas e decorações originais.

 

 San Telmo - sua famosa e imperdível feira de final de semana

 

Centro: No centro Buenos Aires você se deliciará passeando pela Rua Florida, rodeada de lojas de artigos de couro, roupa, discos e livros, assim como de restaurantes e diversas lojas da Galeria Pacífico. Também se encontra na Rua Florida o edifício Kavangh, que é o primeiro arranha-céus de Buenos Aires. O bairro também aloja o Teatro Colón, considerada uma das óperas mais importantes do mundo, e o Obelisco que é símbolo de Buenos Aires e o monumento mais famoso do país.

 

Rua Florida - símbolo do comércio de rua

 

La Boca: é onde se encontra o antigo porto, é um bairro fundado por imigrantes, em grande parte, da Itália e da Espanha. Ali nasceram as famosas boates e vivendas coletivas que albergavam transitoriamente aos recém chegados a Buenos Aires. Destacam-se suas casas típicas de zinco e madeira que eram sobras provenientes do antigo porto, daí surge a grande variedade de cores. Sua paisagem colorida e ter sido um dos cenários mais populares do tango, estilo de música, brindam uma característica única do lugar e de particular melancolia.

 

La Boca - muito do que Buenos Aires é hoje se iniciou neste bairro

 

ARTE E CULTURA

 

SHOW DE TANGO – para quem visita Buenos Aires é quase obrigatório assistir a um show de Tango. Este tipo de dança misturado com teatro talvez seja o maior símbolo da cultura argentina. Infelizmente nós não conseguimos assistir um desses shows, pois a Fernanda passou mal no dia em que reservamos para assistir, mas é unânime entre as pessoas que já foram que realmente vale assistir uma dança de Tango.

 

Show de Tango

 

PONTOS TURÍSTICOS

Sugiro que você compre o Bus Tour, pois com ele você tem acesso livre aos famosos ônibus de dois andares muito comum em qualquer cidade turística do mundo. Em Buenos Aires não é diferente, pois por 24h nós nos locomovemos por toda a cidade, conhecemos os principais pontos turísticos e o melhor todo percurso é guiado um áudio em português onde você fica conhecendo um pouco da história de cada lugar o que o ônibus passa. Você pode descer do ônibus e ir ao um restaurante, comer e pegar o ônibus novamente achamos que foi muito bom pagar para ter acesso ao ônibus, pois foi o meio de transporte que mais utilizamos nesta viagem. http://www.buenosairesbus.com/en/

 

 

OBELISCO–  Talvez o maior símbolo de toda a Argentina. Foi erguido 1936 na Praça da República em comemoração ao quarto centenário da cidade, no cruzamento entre as avenidas 9 de Júlio e Corrientes, no centro da cidade, vale a pena passear por lá para ver a grandiosidade desde monumento.

 

 Obelisco - o monumento mais importante da Argentina

 

CASA ROSADA – Localizada em frente a Plaza de Mayo, no centro da cidade, Casa Rosada é a sede oficial da presidência da República Argentina. O emblemático edifício de cor rosa, foi declarado monumento histórico nacional. Dentro, abriga ainda o Museu da Casa do Governo, com materiais relacionados aos presidentes do país, reunindo fotografias, pinturas e objetos de distintos períodos históricos do país em um grande e luminoso espaço de restauração e preservação da história nacional. O museu funciona aos sábados e domingos, 10h às 18h, entrada gratuita. Pode ser clichê mas você não pode ficar sem uma foto em frente a casa mais famosa da Argentina.

 

Casa Rosada - a casa mais conhecida da Argentina

 

PLAZA DE MAYO - Plaza de Mayo é a praça mais antiga da cidade e o cenário de vários acontecimentos políticos da história argentina. A praça é cercada por diversos edifícios históricos e governamentais entre eles, a Casa Rosada. Há anos se converteu em um palco de manifestações políticas e o lugar de reunião de mães que reivindicam o desaparecimento de seus filhos durante o processo militar.

 

Plaza de Mayo - palco das grandes manifestações argentinas

 

CATEDRAL METROPOLITANA – Catedral Metropolitana é a principal sede da igreja católica na Argentina. Localizada diante da Plaza de Mayo, no centro da cidade, a catedral passou por diversas reformas desde sua inauguração no século XVI e hoje é Monumento Histórico Nacional, além de ser considerada uma das obras arquitetônicas mais importantes da época colonial. As visitas na Catedral se tornaram cada vez mais atraentes depois que o mundo soube que ali era a residência oficial do Papa Francisco. Vale a pena dar uma passadinha e conhecer esse patrimônio histórico argentino.

 

Catedral Metropolitana - durante muito tempo foi palco das missas do Papa Francisco

 

CAMINITO – Localizada no bairro de Boca, Caminito é um tradicional e emblemático trajeto de uma rua, que segue o que uma vez foi um trecho de ferrovia. Após a iniciativa e esforço da vizinhança, transformaram o local em um museu a céu aberto, de grande valor cultural e turístico, com as tradicionais casas pintadas e o tango.

 

Caminito - arte ao ar livre

 

 

PUENTE DE LA MUJER – um dos emblemas do bairro Puerto Madero, é uma ponte giratória para pedestres e a sua forma representa um casal dançando tango. Criada pelo famoso arquiteto espanhol Santiago Calatrava, e é dos exemplos da bela arquitetura da região, posso garantir que as fotos nessa ponte foram as melhores da viagem, claro que tivemos a sorte de pegar um céu favorável.

 

Puente de La Mujer - símbolo da arquitetura de vanguarda em Buenos Aires

 

CONGRESSO DE LA NACIÓN – com certeza você vai querer tirar uma foto em frente a este edifício, é considerado o segundo maior edifício parlamentar do mundo, e possui uma arquitetura de deixar qualquer europeu com inveja.

 

Congresso de La Nación - um pouco de Europa na arquitetura argentina

 

FLOR METÁLICA – escultura metálica situada na Plaza de Las Naciones Unidas, no Bairro Recoleta. Inaugurada em 2002, a flor se encontra cercada de um espelho de água e muito verde. Suas seis pétalas inicialmente se abriam e fechavam de acordo com o horário e a luz do dia. Sua imagem é o símbolo da arte moderna de Buenos Aires, bastante emblemática e altamente associada à cidade, sendo muito procurada por turistas.

 

Flor Metálica - monumento futurista em meio a riqueza antiga

 

CEMITÉRIO DA RECOLETA – Conhecido por seus numerosos e imponentes mausoléus, abriga diversas figuras importantes do país, entre presidentes, políticos, escritores e até Eva Perón, um dos mais procurados. Sei que viajar e visitar um cemitério pode não ser uma combinação perfeita para uma viagem, mas vale dar uma passadinha e conhecer os seus imponentes mausoléus.

 

Cemitério da Recoleta - lar dos grandes nomes da história argentina

 

PLAZA SAN MARTIN – declarada como Lugar Histórico Nacional, é um grande espaço verde no bairro Retiro e palco de muitas histórias da cidade. A praça é cercada de elegantes edifícios, e entre as características árvores, a praça também é espaço para vários monumentos e esculturas famosas da cidade. Ficamos arrependidos de não ter levado roupa de academia para a viagem, pois ficamos com inveja das pessoas fazendo exercícios por toda a praça, esse lugar é realmente imponente.

 

Plaza San Martin

 

 

ONDE COMER

Nossos Hermanos sabem apresentar uma gastronomia de dar inveja em qualquer cozinha do mundo. Em um final de semana talvez seja pouco tempo para provar tudo o que gastronomia de Buenos Aires tem a nos oferecer, mas confesso que conseguimos provar ótimas carnes, doces fantásticos e as famosas empanadas argentinas.

 

Caso você se hospede no hotel que indiquei eu garanto que não vai se arrepender em tomar o café da manhã que ele oferece, todos os pratos são muito bons. Para quem é fã de sorvete como eu não deixe de ir até o Freddo, uma sorveteria muito comum em Buenos Aires, onde está espalhada por toda a cidade, vá até uma delas e peça o sorvete de “Dulce de leche”, e depois me fala o que achou, tenho certeza que a resposta será positiva rs...

 

 

Café da manhã do Hotel Clasico

 

 

 Freddo - o melhor sorvete de Buenos Aires

 

Para os fanáticos por doce, e quem deseja conhecer a famosa doceiria argentina vá até a Pani, lá você vai se deliciar com bolos (cuidado que são pedaços grandes), tortas, sanduiches e uma diversidade de “milk shakes” (você vai encontrar quatro endereços na cidade segue o site www.pani.com.ar ). Aproveite a passe comprar em qualquer supermercado o doce leite da marca “Cachafaz” e coma ele logo no hotel, e garanto que se der um desse doce para alguém você vai agradar e muito a pessoa.

 

Dulce de Leche Cachafaz

 

Pani - os melhores doces

 

Nos dois dias que almoçamos em Buenos Aires fizemos o sacrifício de apreciar a carne argentina rs..., fomos no Cabaña La Lilas, do grupo brasileiro Rubaiyat, essa churrascaria é uma das mais conhecidas da cidade e fica no bairro turístico de Puerto Madero, achamos um ambiente muito gostoso, uma comida muito boa, mas para quem já foi no Rubaiyat em São Paulo não vai ser impressionar. Uma grande surpresa para a gente foi o restaurante “Don Julio”, pois ele não estava nos nossos planos e foi indicado por uma seguidora quando ainda estamos viajando, garanto que você vai adorar e vai ficar com um gostinho de quero mais, lá nesse restaurante é servida a tradicional carne Argentina.

 

 

 Cabaña Las Lilas

 

 Don Julio

 

As famosas empanadas argentinas

 

 

COMPRAS

Para aqueles adoram fazer umas comprinhas, indicamos a Galeria Pacifico, Distrito Arcos e dar um voltinha na Rua Florida.

 

Galeria Pacífico

 

Distrito Arcos - o mais recente centro de compras de Buenos Aires

 

 

LOCOMOÇÃO

Nossos únicos meios de transporte foram o Bus Tour e taxi, o primeiro foi o que valeu mais a pena por dar acesso aos principais pontos da cidade, e como em toda viagem nós andamos bastante a pé.

 

Ir até Buenos Aires é estar na cidade mais europeia da América do Sul, é estar numa cidade charmosa e degustar uma gastronomia autentica. Nós brasileiros somos privilegiados por estar a apenas três horas da capital Argentina, onde você pode acumular as suas milhas e passar um feriado prolongado.

 

Nesta viagem podemos sentir que o povo argentino ainda sofre com a crise econômica que percorre por aquele país, mas também pudemos perceber que apesar desse fato os nossos Hermanos sabem receber os turistas como poucos, voltamos de lá encantados com o que aquela cidade pode oferecer e temos certeza que Buenos Aires será um destino constante em nossas vidas. Buenos Aires até breve, logo estaremos de volta.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

LUA DE MEL - CAPE TOWN (ÁFRICA DO SUL)

March 19, 2017

1/3
Please reload

Posts Recentes

March 28, 2017

March 19, 2017

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square